Postado em 14 de Setembro de 2018 às 18h21

BRDE homenageia entidades e empresas parceiras durante a Mercoagro

    Kemia - Tratamento de Efluentes           FIESC/IEL, Deatec, Finep, Kemia e Hub2b são os parceiros e clientes agraciados durante a programação da Mercoagro On Business. Entre 2013 e 2017, o Banco...

              FIESC/IEL, Deatec, Finep, Kemia e Hub2b são os parceiros e clientes agraciados durante a programação da Mercoagro On Business. Entre 2013 e 2017, o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), investiu R$ 14,8 bilhões nos três estados do Sul. Santa Catarina recebeu 33% desses recursos, num total de R$ 4,85 bilhões. Desse valor, a região Oeste obteve a maior parcela: 35%, totalizando R$ 1,7 bilhão. Os dados foram apresentados em workshop do superintendente da agência do BRDE em Santa Catarina, Nelson Ronnie dos Santos, durante a programação da Mercoagro On Business, na Mercoagro (Feira Internacional de Negócios, Processamento e Industrialização da Carne), que encerra nesta sexta-feira (14), em Chapecó/SC.

              O evento é desenvolvido durante a feira pelo BRDE e pela Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC) para trazer informações sobre tendências e fontes de financiamento para a inovação disponíveis para expositores e visitantes da Mercoagro. Santos apresentou as linhas de financiamento à inovação disponibilizadas pelo banco e enfatizou a importância das parcerias para criar programas de incentivo que atenda as necessidades das empresas.

              No fim de 2013 foi criado o Programa BRDE Inova e, desde então, mais de meio bilhão de reais foram investidos em projetos inovadores na região Sul do País. Desse montante, mais de 40% foram financiamentos a empresas e projetos catarinenses. A região Oeste de SC foi responsável por 22%, ocupando o segundo lugar nas contratações do Estado.

              De acordo com o superintendente, aumentar a oferta de linhas de financiamento mais adequadas às necessidades das empresas inovadoras era um desafio para o BRDE. “Nós precisávamos de parcerias. Elas foram determinantes para o sucesso do Programa BRDE Inova”, frisou.

              Santos explicou que para a aprovação de financiamento à inovação os projetos passam por quatro etapas: pré-análise, análise, liberação dos recursos e acompanhamento. “Quando o projeto é encaminhado por meio de uma entidade parceira, pulamos a primeira fase que é a pré-análise, o que proporciona mais agilidade”.

              Entre os parceiros estão a Financiadora de Inovação e Pesquisa (Finep), o Instituto Euvaldo Lodi (IEL), entidade da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC), e a Associação Polo Tecnológico do Oeste Catarinense (Deatec). Após a palestra, para reconhecer a importância de alguns parceiros do Oeste que contribuem para a difusão tecnológica e que auxiliaram o BRDE a ser referência nacional no financiamento do Programa Finep Inovacred, o banco fez uma homenagem às entidades e às empresas Kemia e Haub2b.


    RECONHECIMENTO

              O vice-presidente regional da FIESC, Waldemar Schmitz, recebeu a homenagem em nome do IEL. De acordo com ele, para o Sistema FIESC e IEL é importante a parceria para intermediar e possibilitar a aquisição de recursos para as empresas que querem investir em inovação e tecnologia. “É um caminho ágil e estruturado, tornando as empresas mais competitivas”, ressaltou.

              Para o gerente do Departamento Regional Sul da Finep, João Florêncio da Silva, a parceria é fundamental, sendo que o BRDE é um dos principais canais para facilitar a entrada da Finep em Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. “Nosso objetivo é fomentar a inovação e divulgar a atuação da Finep e essa parceria tem sido estratégica para isso”.

              A visão desenvolvimentista do BRDE foi destacada pelo presidente da Deatec, André Telöcken. “O banco acredita nas entidades e permite que elas interajam. Esse canal possibilita atalhos para a busca de recursos, que é uma das grandes atribuições de uma entidade de classe como a Deatec. Essa parceria dá certo porque o BRDE acredita na entidade e nós nos empenhamos para sua manutenção, difundindo e informando os produtos e serviços disponibilizados para o segmento”.


    CRESCIMENTO

              O BRDE também homenageou duas empresas que tiveram projetos inovadores financiados pelo Programa BRDE Inova por meio da linha Inovacred Expresso: a Kemia e a Hub2b, ambas associadas à Deatec. A Hub2b financiou a inovação do seu produto e dos processos internos. A empresa desenvolve software que automatiza processos de lojas que anunciam seus produtos em grandes e-commerces do País. “Financiamos R$ 150 mil, o que foi fundamental para aumentar a equipe e a qualidade do produto, além de quase dobrar o faturamento da empresa”, realçou o co-fundador, Sérgio Venicius Vanin.

              A Kemia atua com sistemas para tratamento de efluentes e precisava de recursos para desenvolver uma planta móvel para atender pequenos clientes. “Nosso desafio era como fazer a planta com mobilidade, sem prejudicar sua estrutura e funcionamento. Financiamos R$ 150 mil e finalizamos o projeto. No início, conseguimos fazer testes in loco nos clientes. Atualmente, a planta está em Aberlardo Luz para tratamento de efluentes. O projeto possibilitou a conquista de novos clientes e a empresa deu um salto de crescimento”, relatou o diretor da Kemia, Rafael Celuppi.


    FONTE: MB

    https://www.robertolorenzon.com.br/brde-homenageia-entidades-e-empresas-parceiras-durante-a-mercoagro/

    Veja também

    Implantação da primeira ETE com reatores eletrolíticos01/05/18         A empresa PEMA Limpeza e Conservação, sediada no município de Dois Vizinhos no sudoeste do Paraná, iniciou suas atividades em janeiro de 2001 prestando serviços de coleta e transporte de resíduos urbanos.        A partir de novos investimentos, vêm adquirindo e licenciando novas áreas para a......
    Reservas de águas subterrâneas em perigo05/04/17 Estudo descobre que a agricultura está levando as reservas de águas subterrâneas para um ponto de ruptura Compras de supermercado ambientalmente conscientes não envolvem apenas considerações sobre as fontes de......
    Kemia realiza aprimoramento na Estação de Tratamento de Esgotos de Berlim23/10/18 A Kemia realizou em Outubro de 2018, um aprimoramento técnico e prático para estações de tratamento de esgoto, compartilhando experiências com a equipe técnica que é responsável pela operação da estação de tratamento de esgoto em Berlim....

    Voltar para Cases